implante02

Os implantes dentários são “raízes artificiais”, utilizados para substituir os dentes ausentes ou perdidos com o objectivo de suportar uma coroa e / ou prótese.

Existem vários estudos a longo prazo que comprovam a eficácia do tratamento com implantes, na ordem dos 90 – 98% em pacientes com boa saúde oral e sistémica.

No entanto o sucesso depende de vários factores tais como: características anatómicas e fisiológicas do paciente, higiene oral, hábitos tabágicos, etc…

Os implantes podem ser a solução para substituir um, vários ou todos os dentes (ALL-ON-FOUR)

 

Implantes e outras patologias

  • O tratamento com implantes pode ser realizado em pacientes diabéticos desde que controlados;E
  • Em mulheres com osteoporose o tratamento também pode ser realizado podendo no entanto ser alvo de uma planificação específica.
  • No caso de estar a tomar algum medicamento que interfira com os níveis de coagulação e de agregação plaquetária deverá informar o seu Médico Dentista, já que poderá haver a necessidade de proceder à alteração da medicação antes da colocação dos implantes.

 

 No dia que se colocam os implantes já se coloca também a prótese ou coroas

 Os últimos avanços tecnológicos e de investigação clínica permitem com muita fiabilidade a colocação de uma prótese fixa provisória no mesmo momento em que são colocados os implantes.

A grande vantagem é o conforto que trará ao paciente enquanto aguarda pelo período de integração do implante no osso que ronda em média 3-6 meses. Após este período substitui-se esta prótese por uma definitiva, mais adaptada à sua gengiva remodelada após a cirurgia e confeccionado num material mais resistente e duradouro.